Apresentação das VII Jornadas de Ciências da Nutrição do IUCS

Alergias e Intolerâncias Alimentares: mitos e desafios

As Jornadas de Nutrição decorrerão no dia 31 de março de 2017 no Centro de Congressos da Alfândega do Porto, juntamente com as Jornadas Científicas de Ciências do Instituto Universitário de Ciências da Saúde (IUCS-CESPU) a decorrerem nos dias 30 e 31 de março de 2017.

Foi selecionado o tema “Alergias e Intolerâncias Alimentares: mitos e desafios” por se considerar da maior relevância e por se tratar de uma temática impactante e agregadora que marca a atualidade da área da Nutrição e da Alimentação. Pretende-se que este evento constitua um espaço de aproximação entre os estudantes e os diferentes profissionais da área da saúde, nomeadamente os Nutricionistas, promovendo-se o debate e a partilha de diferentes saberes e experiências sobre os “novos” desafios que a temática exige, num contexto de constante evolução, não só do conhecimento como também da oferta alimentar e literacia da população.

Este evento representa uma oportunidade para consolidar e atualizar os conhecimentos sobre alergias e intolerâncias alimentares, de forma a potenciar uma resposta mais eficaz, e baseada em evidência científica, junto das pessoas que as possuam.

A sua presença é importante. Contamos, por isso, consigo.

Saudações cordiais

Jorge Brandão Proença & Sandra Leal & Helena Real

Programa científico

31 de março

8.45h - Abertura do Secretariado

Entrega de documentação

9H30 - Cerimónia de Abertura

Jorge Proença, Reitor do IUCS | Diretor do Departamento de Ciências do IUCS/CESPU

Célia Craveiro, Presidente da Associação Portuguesa dos Nutricionistas

Delphine Dias, Assessora do Departamento de Acesso e Exercício Profissional da Ordem dos Nutricionistas

Sandra Leal, Coordenadora da Licenciatura em Ciências da Nutrição do IUCS/CESPU

Helena Real, Co-Coordenadora da Licenciatura em Ciências da Nutrição do IUCS/CESPU

9H45 - Alergias vs intolerâncias alimentares: semelhanças e diferenças

Alexandra Costa,  Instituto Universitário de Ciências da Saúde (IUCS/CESPU)

Discussão

Moderação: Odília Queirós & Helena Ávila, Instituto Universitário de Ciências da Saúde (IUCS/CESPU)

10H30 - Pausa Café

11H00 - Alergias Alimentares: Mitos e Verdades

Alergias Alimentares e excesso de peso: existe relação?

Inês Pádua, Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto

Alergias alimentares e ementas escolares

Rui Lima, Direção-Geral da Educação (DGE)

Alergénios alimentares: impacto na restauração coletiva

Débora Correia, ITAU

Discussão

Moderação: Ana Leão & Nuno Ferreira, Instituto Universitário de Ciências da Saúde (IUCS/CESPU)

12H30 - Pausa Almoço

14H30 - Intolerâncias Alimentares: Mitos e Verdades

Intolerância aos hidratos de carbono

Rita Almeida, Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho

Intolerância ao glúten

Rita Morais, Associação Portuguesa de Celíacos (APC)/C.M.P.O.H. - Clínica Médica

Intolerâncias Alimentares na Infância

Inês Tomada, Hospital CUF Porto

Importância das “Modas”: o papel do Nutricionista

António Pedro Mendes, Hospital Agostinho Ribeiro/Santa Casa da Misericórdia de Felgueiras/FC Paços de Ferreira

Discussão

Moderação: Hugo Lopes & Hernâni Gomes, Instituto Universitário de Ciências da Saúde (IUCS/CESPU)

16H30 - Pausa Café

16H50 - Alergias e Intolerâncias Alimentares: Desafios

Uso de testes cutâneos na deteção de alergias e intolerâncias alimentares

Mário Morais de Almeida, Hospital CUF Descobertas

Importância e interpretação do rótulo alimentar

Mariana Barbosa, Associação Portuguesa dos Nutricionistas (APN)

A resposta da Indústria

Carla Teixeira, PortugalFoods

Software Movelife: Alergias, Intolerâncias e Valores Nutricionais

Maria João Fialho, Movelife

Discussão

Moderação: Luísa Trindade & José Carlos Andrade, Instituto Universitário de Ciências da Saúde (IUCS/CESPU)

18H30 - Cerimónia de Encerramento

Jorge Proença, Reitor do IUCS | Diretor do Departamento de Ciências do IUCS/CESPU

Sandra Leal, Coordenadora da Licenciatura em Ciências da Nutrição do IUCS/CESPU

Helena Real, Co-Coordenadora da Licenciatura em Ciências da Nutrição do IUCS/CESPU

Resumos de Palestras

Em Atualização

9H45 - Alergias vs intolerâncias alimentares: semelhanças e diferenças
Alexandra Costa, Instituto Universitário de Ciências da Saúde (IUCS/CESPU)

O que significa dizer “tenho alergia “ ou “sou alérgico” ?
Uma alergia consiste numa reação exacerbada do sistema imunitário contra determinados antigénios presentes no meio ambiente - Alergénios. É uma reação de hipersensibilidade exagerada e pode ocorrer no espaço de alguns minutos ou, noutros casos, mais tardiamente. Implica sempre a formação e ação de anticorpos IgE específicos, muito raramente IgG. Em geral, as manifestações clínicas são ligeiras ou moderadas, mas podem ocorre reações mais graves, como a anafilaxia.
No caso dos alimentos, será o mesmo dizer “sou alérgico ou “sou intolerante” a um dado alimento?
A resposta é não, são conceitos distintos...A alergia alimentar é uma reação de saúde adversa decorrente de um reconhecimento imunológico errado de um alimento ou parte deste, sendo visto como uma entidade agressora ao organismo.
A intolerância alimentar é uma reação adversa, reprodutível, que ocorre após a exposição a um determinado alimento, mas que ao contrário da alergia alimentar não envolve o sistema imunológico e relaciona-se com distúrbios metabólicos digestivos. No entanto, podem apresentar sintomas comuns, outros distintos e o seu diagnóstico clínico é, por vezes, pouco sustentável...
Mas nem todos os alimentos causam alergias ou intolerâncias, porquê? Como faz o nosso organismo esta seleção ou rejeição? Há em algum destes acontecimentos uma componente hereditária?
Eis algumas das questões frequentes e às quais tentaremos esclarecer-vos….

11H00 - ALERGIAS ALIMENTARES: MITOS E VERDADES

Alergias Alimentares e excesso de peso: existe relação?
Inês Pádua - Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto

"Existe relação entre a alergia alimentar e o excesso de peso?
Esta é a questão que dá o mote à comunicação e que deriva, em primeira instância, de todas as promessas e campanhas que associam os "testes das alergias" e os seus resultados à perda de peso. Serão estes testes uma ferramenta credível e de trabalho para o nutricionista? Nesta comunicação, pretendemos responder, fundamentar e, também, desmistificar, estas questões à luz do conhecimento atual e tendo a resposta por base os próprios mecanismos imunológicos envolvidos na ocorrência de uma alergia alimentar.
Analisaremos ainda a primeira questão levantada de outro ponto de vista, não menos importante para o nutricionista. Poderá a necessidade de evicção alimentar, com todas as restrições que são impostas e com o impacto na qualidade de vida do doente com alergia alimentar, estar na de adoção de hábitos alimentares menos equilibrados? Poderá o excesso de peso ser uma consequência da evicção alimentar? Qual o papel do nutricionista no seguimento destes doentes e quais os desafios que poderá enfrentar?
Com esta comunicação pretendemos sobretudo esclarecer e alertar para o papel da nutrição no seguimento do doente com alergia alimentar, para que o nutricionista se reconheça e atue como parceiro central na sua segurança e qualidade de vida."

Alergénios alimentares: impacto na restauração coletiva
Débora Correia - ITAU
As alergias alimentares e a responsabilidade da Restauração Coletiva na Saúde Pública;
Abordagem do Regulamento (UE) n.º 1169/2011 de 25 de Outubro de 2011, relativo à prestação de informação aos consumidores sobre géneros alimentícios;
Procedimentos de preparação para aplicação do Reg. (UE) n.º 1169/2011 no Itau;
Formas de aplicação do Reg. (UE) n.º 1169/2011 na Restauração Coletiva;
Procedimentos criados para aplicação do regulamento e as dificuldades inerentes.

14H30 - INTOLERÂNCIAS ALIMENTARES: MITOS E VERDADES

Intolerância aos hidratos de carbono
Rita Morais - Associação Portuguesa de Celíacos (APC)/C.M.P.O.H. - Clínica Médica
Glúten
Alimentação sem glúten / alimentos sem glúten
Riscos da alimentação sem glúten
Alimentação naturalmente sem glúten
Diferentes perturbações relacionadas com a ingestão de glúten
Sensibilidade ao glúten

16H50 - ALERGIAS E INTOLERÂNCIAS ALIMENTARES: DESAFIOS

Importância e interpretação do rótulo alimentar
Mariana Barbosa - Associação Portuguesa dos Nutricionistas (APN)

" Importância e interpretação do rótulo alimentar"
Rotulagem alimentar: o que é?
Rotulagem alimentar: qual a importância?
Rotulagem alimentar |enquadramento legal - Regulamento (EU) 1169/2011:
- a quem se aplica
- menções obrigatórias
- Ingredientes ou auxiliares tecnológicos ou derivados de uma substância ou produto que provoquem alergias ou intolerâncias
- Apresentação da Rotulagem alimentar: Géneros alimentícios pré-embalados; Géneros alimentícios sem pré-embalagem ou embalados nos pontos de venda (DL nº 26/2016, de 9 de junho)
Alegações nutricionais

Apoios institucionais

    

Créditos

A imagem do banner foi adaptada de: Vintage fotografia created by Onlyyouqj - Freepik.com